Semana 37 de gravidez

Semana 37 de gravidez
Ellen Cristie
Ellen Cristie21, Outubro - 20202.4 minutos de leitura

Oba! Seu bebê já está pronto e fora da zona de perigo (não é mais prematuro). Ele já pode nascer a qualquer momento ou permanecer na sua barriga até a 41ª semana de gravidez. Devido a essa incerteza, é bom que você deixe tudo preparado para não ser surpreendida em cima da hora.

Agora que os pulmões estão totalmente formados, o bebê já treina a respiração. Ele inspira o líquido amniótico e o oxigênio é entregue por meio do cordão umbilical. A exemplo do comportamento de um recém-nascido, o feto já abre os olhos e boceja.

Atualmente, ele mede cerca de 47 centímetros e pesa, em média, entre 2,7 quilos e 3 quilos, o correspondente ao tamanho de um pé de acelga.

Quais são os principais sintomas desse período?

Esta semana pode ser que o bebê se encaixe, ou seja, comece a descer pela região pélvica, preparando-se para o parto. Embora você consiga respirar melhor, já que a barriga desce ligeiramente e os pulmões se expandem, a pressão na bexiga tende a aumentar, fazendo com que você vá mais vezes ao banheiro.

As dores nas costas também aumentam, assim como o cansaço. Aproveite os momentos em que está em casa para descansar, dormir e se alimentar bem.

O inchaço agora tomou conta de todo o seu corpo e os hormônios continuam fazendo o seu trabalho, focados em preparar o organismo para produzir leite e proteger o bebê contra infecções.

Talvez você já sinta um líquido saindo dos seios – o colostro. A saída espontânea é normal. Cólicas e contrações também podem ocorrer.

A partir dessa semana, pode ser que o obstetra peça um ultrassom por semana, para verificar o estado geral do bebê. Também são feitos exames da região pélvica para verificar a dilatação do colo do útero.

Enfim, você está próximo à reta final! Arrume a bolsa da maternidade e deixe todos os detalhes prontos. E descanse!

< Página anterior Próxima página >