Nutrientes da Gravidez Que Você Precisa Para Ajudar Seu Bebê a Crescer

Nutrientes da Gravidez Que Você Precisa Para Ajudar Seu Bebê a Crescer
Ellen Cristie
Ellen Cristie4, Dezembro - 2020

Já ouviu aquela história de “comer por dois”? Pois é, apague da sua memória. A gravidez não é hora nem para “chutar o balde”, nem para fazer dietas excessivamente rigorosas.

Nem oito nem oitenta, este é o momento certo para se ter uma gestação saudável com alimentação equilibrada e reflexos positivos tanto para a futura mãe quanto para o bebê. O ideal é apenas ganhar o peso necessário para que o bebê se desenvolva e que a “mãe” evite problemas mais sérios, a exemplo da diabetes gestacional.

Para que a gestante permaneça saudável durante os nove meses de desenvolvimento do bebê, é fundamental que ela se alimente de um cardápio com todos os grupos alimentares, mas sem exageros. O segredo está na escolha dos nutrientes. Listamos abaixo uma série de vitaminas essenciais para esse momento tão importante na vida da mulher. Veja:

Ácido fólico

Lentilhas, aspargos e pão enriquecido. Alimentos com ácido fólico ajudam a prevenir defeitos do tubo neural, podem reduzir problemas no nascimento e são fundamentais para a
produção de DNA.

Ácido pantotênico

Fígado de boi, iogurte natural desnatado, abacate e leite. Alimentos com ácide pantotênico são essenciais para a produção de hormônios e colesterol e para o metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras.

Cálcio

Queijo mussarela, leite desnatado, suco de laranja e tofu. Alimentos com cálcio contribuem para o crescimento dos ossos, fortalecimento dos dentes, nervos, coração e músculos. Melhora a coagulação do sangue e o ritmo cardíaco.

Colina

Ovos, salmão e peito de frango. Alimentos com colina contribuem para o desenvolvimento saudável do cérebro, ajudando a prevenir defeitos do tubo neural.

Cromo

Brócolis, trigo integral, peru e presunto. Alimentos com cromo ajudam na construção de proteínas nos tecidos em crescimento do bebê e regulam os níveis de açúcar no sangue.

Cobre

Fígado de boi, caju e lentilhas. Alimentos com cobre contribuem para formar os sistemas cardíaco, esquelético e nervoso, artérias e vasos sanguíneos.

Ferro

Carne, lentilhas, suco de ameixa e atum. Alimentos com ferro produzem glóbulos vermelhos, fornecem oxigênio às células e constroem cartilagem e outros tecidos conjuntivos.

Fósforo

Salmão, leite desnatado, lentilhas e queijo mussarela. Alimentos com fósforo ajudam na construção de ossos fortes e desenvolvem a coagulação do sangue, a função renal e o ritmo cardíaco normal.

Iodo

Leite, batata cozida com pele, camarão e feijão. Alimentos com iodo regulam o metabolismo e ajudam o cérebro e o sistema nervoso a se desenvolver adequadamente.

Magnésio

Cereal integral, arroz integral e espinafre. Alimentos com magnésio contribuem para a construção dos ossos e dentes fortes, além de ajudar a prevenir o parto prematuro.

Manganês

Arroz integral, espinafre e abacaxi. Alimentos com manganês ajudam a formar ossos e cartilagem, a proteger as células de danos, ativando enzimas que ajudam a metabolizar carboidratos, colesterol e aminoácidos.

Potássio

Batata com casca, suco de ameixa, feijão e amêndoas. Alimentos com potássio contribuem para manter o equilíbrio adequado de fluidos e eletrólitos necessários durante a gravidez e auxiliam nas contrações musculares e na função nervosa.

Riboflavina

Leite desnatado, amêndoas, espinafre e salmão. Alimentos com riboflavina promovem o crescimento, boa visão e pele saudável. São essenciais para o desenvolvimento dos ossos, músculos e nervos do bebê. Ajudam a diminuir o risco de pré-eclâmpsia da mãe.

Tiamina

Carne de porco, arroz branco e laranja. Os alimentos com tiamina convertem carboidratos em energia e são essenciais para o desenvolvimento do cérebro. Também ajudam o coração, os músculos e o sistema nervoso.

Vitamina A

Batata doce, cenoura e espinafre. Alimentos com vitamina A são importantes para o desenvolvimento de órgãos, ossos e olhos. O excesso de vitamina A pode causar defeitos congênitos e toxicidade hepática.

Vitamina B6

Batata com pele, salmão, abacate e banana. Alimentos com vitamina B6 ajudam no metabolismo de proteínas e carboidratos e contribuem para a formação de novos glóbulos vermelhos, bem como para o desenvolvimento do cérebro e do sistema nervoso.

Vitamina C

Pimenta, morangos, suco de laranja e brócolis. Alimentos com vitamina C são essenciais para a produção de colágeno, um componente da cartilagem, tendões, ossos e pele.

Vitamina D

Salmão e leite fortificado. Alimentos com vitamina D ajudam na construção de ossos e dentes fortes.

Zinco

Carne, frango e iogurte desnatado. Alimentos com zinco ajudam no crescimento das células e são cruciais para a produção de DNA.

Como se vê acima, as vitaminas obtidas dos alimentos são essenciais para uma gravidez saudável. Vale lembrar também que é necessário reduzir o consumo de cafeína, além de frituras, gorduras, condimentos e bebidas alcoólicas. Então, que tal começar a se cuidar?